Em ano olímpico, difícil não falar de uma das modalidades que mais dão orgulho para o Brasil: o vôlei. Tanto a categoria feminina quanto a masculina dão um show em quadra e este ano, mais uma vez, as duas seleções disputam o título de melhor seleção de vôlei do mundo – e, nem que seja por um pouquinho, dentro de casa.

De fato, falta pouco e os atletas estão se preparando muito para fazer bonito. A seleção feminina, por exemplo, durante este mês de junho participa de uma das maiores competições da modalidade no mundo: o Grand Prix de Vôlei.

É é exatamente sobre este grande campeonato de vôlei que vamos falar hoje. Aqui, além de trazemos tudo sobre o torneio, te damos mais informações sobre o evento, novidades da edição 2016 e as expectativas da seleção feminina na competição.

O que é o Grand Prix de Vôlei

O Grand Prix de Vôlei é exclusivamente uma competição feminina que, originalmente, surgiu em 1993 com edições anuais. A competição é uma das mais importantes do mundo na modalidade e reúne as principais seleções internacionais, sendo Brasil, Rússia, Cuba, EUA e China as detentoras de mais títulos e grandes potências esportivas.

grand-prix-de-volei

O World Grand Prix foi idealizado pela FIVB depois do sucesso da Liga Mundial – competição masculina que surgiu três anos antes. A competição é uma forma de valorizar o vôlei feminino, bem como as atletas que fazem parte e dão o sangue por suas seleções.

Funcionamento da competição

Para estar no Grand Prix de Vôlei as seleções precisam participar de torneios de qualificação que ocorrem em todos os continentes. Depois desta fase, o campeonato é dividido em pelo menos duas fases: a preliminar, realizada em duas semanas e com um sistema rotativo de cidades-sede, e a final – nesta fase, as melhores equipes de cada grupo jogam entre si no esquema eliminatório.

Todas as equipes do Grand Prix de Vôlei são organizadas em ‘pools’, que nada mais são que grupos nos quais cada equipe joga uma partida contra todos os integrantes do mesmo grupo. Todos os jogos de um mesmo grupo são realizados em um fim de semana e na mesma cidade, e quem ganha a fase preliminar, automaticamente vai para a fase final.

O que esperar da seleção feminina

Apesar de não ter participado de todas as edições do Grand Prix de Vôlei, o Brasil é uma das seleções que mais se destaca na competição e já esteve dez vezes no pódio, sendo o mais recente deles em 2015. No ano passado, infelizmente, a seleção feminina de vôlei acabou ficando com o bronze – o ouro, na ocasião, foi para os Estados Unidos.

grand-prix-de-voleibol

A temporada 2016 começou boa para o Brasil e se continuar neste ritmo, a seleção tem grandes chances. Os dois últimos amistosos realizados no Paraná, as brasileiras se saíram vitoriosas em cima das dominicanas. Foram 3 sets a 0 no primeiro jogo e 3 sets a 1 no segundo.

porta-medalhas-voleibol

Bicampeã olímpica, a seleção feminina de vôlei está numa situação complicadíssima e que vai exigir muito delas. Além de encarar Sérvia e Itália que estão no mesmo grupo, as meninas têm grandes chances de jogar com um dos principais times na fase eliminatória: EUA. Atualmente, o time tem como treinador José Roberto Guimarães e grandes destaques como Fernanda Garay, Adenízia da Silva e Jaqueline Carvalho.

grand-prix-de-volei-2015

Rodada no Brasil é uma das novidades

Este ano o Rio de Janeiro será palco da etapa Brasil do Grand Prix de Vôlei. Os jogos serão realizados na Arena Carioca 1, na Barra da Tijuca, a pedido do Comitê Rio 2016, que quer testar a operação do Parque Olímpico com um evento de grandes proporções. Vale lembrar que nas Olimpíadas, a casa das seleções feminina e masculina será Maracanãzinho.

grand-prix-de-volei-arena-carioca-1

Entre os dias 9 e 12 de junho, a primeira semana do torneio, as meninas do vôlei enfrentam Itália, Japão e Sérvia. Depois, as próximas rodadas do Grand Prix de Vôlei acontecem em Macau, China, e Ancara, na Turquia. Caso, a seleção feminina apresente um bom resultado, a fase final será realizada em Bangcoc, Tailândia, entre os dias 6 a 10 de julho. Ou seja, será exatamente um mês de competição com grandes chances do Brasil se destacar.

Baixe o Media Guide FIVB aqui!

Ingressos

Quem quer ver a seleção feminina de vôlei jogando, os ingressos para a etapa Brasil do Grand Prix de Vôlei, que acontece nesta semana, já estão sendo vendidos online aqui. A capacidade da Arena Carioca 1 é para 10 mil pessoas, mas é sempre importante se adiantar para não acabar ficando sem ingresso, pois, afinal, cada torcedor poderá comprar até quatro entradas e menores de 12 anos só entram acompanhados por um responsável.

grand-prix-de-volei

Já os pontos de venda para compra presencial funcionam de segunda a sábado, das 10h às 18h e são eles: Posto Parque das Rosas, Quiosque QL12 do Vivo Rio e Posto Bougainville.

Confira abaixo os valores para a etapa Brasil do Grand Prix de Vôlei:

jogos-brasil-grand-prix-2016

Depois deste post, garanto que você está muito mais entusiasmado com o voleibol, né? Tem uma história dentro da modalidade ou pratica o esporte? Conte pra gente nos comentários!

Fontes: ClicRBS, Beleza Masculina, Webrun, Esporte HSW, G1, Floripa News, Mundo Tri, Extra Globo, Esporte Interativo.
Imagens: FIVB Divulgação, Lance!

Deixe uma resposta