A corrida São Silvestre acontece no próximo dia 31/12 e se destaca por ser um evento que agrega os mais diferentes atletas. Saiba tudo sobre a competição e a sua versão mirim, a São Silvestrinha.

Não é de hoje que a São Silvestre é a corrida mais popular do Brasil. Em 92 edições, a competição reúne atletas de todo o mundo, além de entusiastas sedentos pelas primeiras colocações. A busca pela corrida São Silvestre é tão grande que o primeiro lote de inscrições já foi preenchido e a organização tem até dia 30 de novembro para definir se abre novas vagas para que mais pessoas possam participar. Na edição deste ano, já são mais de 30 mil participantes – de muitos que marcaram história deste evento esportivo.

corrida-sao-silvestre-atletas

Assim, com a aproximação da corrida São Silvestre, compilamos neste post um pouquinho da história, bem como atletas que de alguma forma contribuíram para que o evento chegasse até os dias atuais com tanta visibilidade. Se você ama corrida, sobretudo a São Silvestre, não pode deixar de ficar por dentro de todas as curiosidades que separamos aqui.

História da corrida São Silvestre

A corrida São Silvestre é uma idealização do jornalista Cásper Líbero, que, inspirado por uma corrida noturna realizada na França, trouxe a competição para o Brasil. No dia 31 de dezembro de 1924, foi realizada a primeira corrida – que não tem este nome por acaso. A data marca a comemoração ao santo do dia: São Silvestre. No entanto, neste período, o evento era restrito aos homens, e só na vigésima edição, atletas de outros países puderam participar – abrindo as portas para competidores de elite da América Latina, Europa e África. Mais tardar, em 1975, foi a vez das mulheres participarem.

corrida-sao-silvestre-historia
As primeiras edições da corrida São Silvestre não reuniu nem 50 atletas. Hoje, ela é sucesso e só na edição deste ano, já são mais de 30 mil inscritos.

Na 84ª edição, a corrida São Silvestre já contava com 20 mil participantes e à medida que atletas de outros países participavam, a organização foi ampliando o número de vagas, chegando este ano, a marca de 30 mil inscritos. ­Números bem diferentes quando comparados ao balanço da primeira edição: 60 inscritos e 48 competidores que correram de fato.

Corrida São Silvestre 2016

Como falamos no início do post, as inscrições para a corrida São Silvestre já encerraram – e muito antes do prazo estipulado. No entanto, como a organização precisa realizar uma revisão dos candidatos, novas vagas podem surgir e você pode ter a chance de participar.

O percurso da corrida São Silvestre tem 15 km e terá a Avenida Paulista como largada e a Fundação Cásper Líbero como chegada – sendo que o pelotão de elite feminino começa antes – às 8h40 – e o pelotão masculino às 9h. Cadeirantes e atletas com algum tipo de deficiência também competem, mas o horário de largada desta categoria ainda não foi definido pela organização.

corrida-sao-silvestre-2015
A corrida São Silvestre é superdemocrática e reúne em um mesmo ambiente, homens, mulheres, além de pessoas com deficiência.

Para quem já se inscreveu, vale lembrar que a retirada do kit bem como o chip que cada atleta tem direito acontece nos dias 27, 28 e 29 de dezembro das 9h às 19h, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo. Para mais informações, não deixe de consultar o regulamento da prova aqui.

Atletas de destaque

Nestas mais de 90 edições da corrida São Silvestre, muitos recordes foram quebrados, milhares de atletas participaram e muitos fatos entraram para a história desta que é uma das competições mais conhecidas do mundo. Um dos acontecimentos mais marcantes de todas as edições da corrida São Silvestre, por exemplo, foi quando o atleta paranaense Émerson Iser, em 1997, superou o queniano Paul Tergat – que na época, tentava o tricampeonato.

corrida-sao-silvestre-corredores
Vencedores da corrida São Silvestre 2015: o queniano Stanley Biwott e a atleta etíope Ymer Wude Ayalew.

Outro momento marcante na corrida São Silvestre foi em 2010, quando Marílson Gomes dos Santos se tornou o primeiro brasileiro a conquistar o tricampeonato desde que atletas de outros países começaram a participar da competição.

porta-medalhas-corrida

São Silvestrinha

Incentivando a prática esportiva entre as crianças, a São Silvestrinha, como o nome próprio sugere, é a versão mirim da corrida São Silvestre. As inscrições ainda estão abertas e crianças e adolescentes entre 6 e 16 anos podem participar das provas que variam entre 50 a 600 metros. Em sua 23ª edição, a São Silvestrinha possui o limite de mil atletas e quem quiser participar deve se inscrever pelo site – a prova acontece no próximo dia 17 de dezembro.

sao-silvestrinha

Vai encarar a corrida São Silvestre? Preste atenção!

Os 15 km da São Silvestre podem parecer pouco quando comparado às longas maratonas, mas mesmo em uma competição onde a maioria está apenas se divertindo e participando de um evento de tanta visibilidade, é preciso ficar atento nas dicas abaixo para realizar uma boa corrida:

Use tênis e roupas confortáveis: esta é a premissa de qualquer atividade física e na corrida São Silvestre não seria diferente, não é mesmo? Coloque o seu melhor calçado esportivo e dê preferência às roupas de tecidos leves.

Realize um acompanhamento médico: se você tem algum problema de saúde, não deixe de consultar o seu médico para saber se está tudo ok com o seu corpo e se ele suporta o ritmo intenso de atividades.

Chegue cedo: cada categoria da corrida São Silvestre tem um horário certo de largada e se você não chegar no horário, pode ficar de fora.

Vá no seu ritmo: por algum motivo você está exausto e não está conseguindo cumprir a corrida São Silvestre? Nada de ultrapassar os seus limites!

E você, vai participar da São Silvestre? Conte pra gente nos comentários o que você acha desta corrida.

Imagens: Acervo Estadão, Companheiros de Corrida, RFI, Acorlaf, PodCorrer.
Com informações de: São Silvestre, Ativo, Globo Esporte.

Deixe uma resposta